Expresso Mulher

Tudo sobre o mundo feminino você encontra aqui!

A importância do pré-natal

Foto de marcinha

Para nós, mulheres, a importância do pré-natal deveria ser do conhecimento de todas, mas infelizmente, não é assim que as coisas funcionam.

O pré- natal é muito falado entre as gestantes, porém será que todas sabem o que é, para o que serve e como funciona?

Na verdade, é uma assistência que a gestante e o bebê recebem durante o tempo de gestação podendo-se evitar desta forma, problemas tanto para mãe quanto para o bebê.

Muitas mulheres, apesar de saberem da importância do pré-natal, deixam de realizá-lo.

Uma pergunta frequente entre as gestantes, é de quantas consultas são necessárias para realizá-lo. Saiba que tudo dependerá do seu médico. Segundo o Ministério da Saúde o número mínimo de consultas para um pré-natal saudável é de seis consultas, mas a maioria das mulheres fazem um número bem maior de consultas.

É de extrema importância que a mulher comece a fazer o seu pré-natal logo em seguida da descoberta da gravidez. Apesar de algumas mães não quererem falar sobre a sua gravidez com outras pessoas, não podem esquecer de que agora, terão que fazer um acompanhamento médico, afinal de contas, neste momento existe uma outra vida que depende dos seus cuidados. 

Os exames laboratoriais e de imagens são pedidos ao longo do pré-natal e são de suma importância, já que, através destes exames poderão ou não ser detectados doenças que podem afetar a saúde do feto e da mãe.

O médico durante a sua consulta vai aferir a sua pressão, ver o seu peso, medir a altura do seu útero e da circunferência abdominal, palpará suas mamas, saberá a frequência dos batimentos cardíacos do bebê,  sem falar que você poderá tirar todas as suas dúvidas e se por acaso, estas forem muitas, não esqueça de anotar tudo para não deixar passar nada.

Na sua primeira consulta o médico também perguntará quando foi a data da sua última menstruação e com isso, poderá dizer uma data provável para o parto e dizer com quantas semanas de gestação você está.

Para as futuras mães que são jovens, o pré-natal pode parecer uma coisa sem importância e muitas vezes, acabam deixando de ir periodicamente ao médico. A gravidez é um período de mudanças tanto físicas quanto emocionais, mas não deixe de pensar que agora, você também é responsável por mais uma vida que está dentro de você.

Mulheres e futuras mães que se preocupam em não poder faltar no trabalho para fazer o seu pré-natal, fiquem sabendo que se você tiver a carteira assinada também tem o direito de se ausentar do trabalho para a realização dos seus exames, pergunte direitinho no seu trabalho como isso funciona, para evitar transtornos futuros.

Um outro ítem importante durante o seu exame de pré-natal é a sua alimentação. O médico por meio dos resultados dos exames laboratoriais poderá indicar a reposição de vitaminas que poderão estar abaixo do esperado e necessário, para você e o seu bebê. 

Se você for diabética ou tiver problemas com a pressão alta ou baixa, estes problemas também poderão ser controlados durante a sua gestação.

Não esqueça que o pré-natal servirá para garantir uma boa gestação e precaver problemas á você e ao seu bebê, afinal de contas, agora serão dois ou mais coraçõezinhos batendo dentro de você dependendo do número de fetos que você estiver esperando.

Boa gestação!

Compartilhe:
Categoria: 
Marcinha Borba
Paulista, cirurgiã-dentista e pós-graduada em Periodontia. Apaixonada por sua família e amigos. Descobriu o prazer em escrever e compartilhar temas relacionados ao mundo feminino.